Conservar as flores
A durabilidade das flores

Se você recebeu flores, deve estar bem feliz e desejando prolongar ao máximo a alegria proporcionada pela beleza e perfume das flores. As flores (especialmente as de "corte", utilizadas na confecção da maioria dos arranjos florais) são sempre muito sensíveis. Há quem diga que as flores "duram apenas o tempo suficiente para se tornarem inesquecíveis"... Mas há algumas dicas básicas e simples para você conservar ao máximo o presente recebido, prolongando a vida das suas flores. Tomando pequenos cuidados você será capaz de manter viva a alegria do presente recebido:

Como conservar suas flores

1: Não exponha as flores diretamente ao Sol. Pode haver exposição à luz, desde que indiretamente. Um local fresco e arejado é o ideal.

2: A água do vaso que receberá as flores deve ser bastante limpa. Pode ser usada água da rede pública, uma vez que o cloro não prejudica as flores. O Vaso também deve estar absolutamente limpo, como um copo que você usa. As flores são muito sensíveis a micro organismos e todo cuidado tomado com a higiene ajuda bastante na manutenção da beleza e do perfume das flores.

3: Nos arranjos montados em espuma floral (cestas, arranjos decorativos, etc), basta adicionar água o maior número de vezes possível por dia. A espuma absorve a água, e deve ser umidecida ao máximo, sem que no entanto transborde.

4: Para os buquês, as flores e folhagens devem ser arranjadas assim que possível em um vaso com água. Esta água deve ser trocada diariamente, se possível. Faça um corte no caule das flores, também diariamente. Este corte deve ser de aproximadamente 1 centímetro, na diagonal em relação ao sentido do caule (em cunha) e deve ser feito com o caule submerso. O corte feito ao ar livre, propicia a entrada direta de oxigênio no caule, o que acelera a decomposição das flores. Sugerimos que este corte seja feito dentro de um recipiente (uma bacia por exemplo), igualmente cheia de água limpa, cuidadosamente, com uma tesoura ou faca bem afiada.

5: Se você não for trocar a água do vaso diariamente, ao menos retire as folhas caídas na água. Estas folhas entram em rápida decomposição, criando bactérias que se infiltram nas flores, diminuindo e muito a vida útil das mesma.